IGREJA METODISTA EM VILA ISABEL
Fundada em 15 de Junho de 1902

Boulevard Vinte e Oito de Setembro, 400
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20551–031     Tel.: 2576–7832


Igreja da Vila

Aniversariantes

Metodismo

Missão

Artigos e Publicações

Galeria de Fotos

Links


Palavra Pastoral
Rio, 30/6/2013
 

Os Discípulos e Discípulas Bem-Aventurados

Pr. Edson Cortasio Sardinha


 

Lucas 6.17-26

Lucas 6.17-26 fala de pessoas que seguiam Jesus interessadas em seus milagres. Apresenta também a bem-aventurança aos discípulos e discípulas fiéis e o sofrimento dos que negam o projeto de Deus.

I. O Interesse das multidões
As multidões vieram (18) "para o ouvirem e serem curados de suas enfermidades". Lucas diz que "também os atormentados por espíritos imundos eram curados". O interesse das multidões era ser curadas e libertas. Este interesse é legítimo. Quem sofre deseja se libertar do sofrimento. O problema é que muitos eram curados e libertos mas não assumiam compromisso com o Reino de Deus. Elas não viam os milagres de Jesus como sinais do Reino, mas apenas como solução imediata para as suas necessidades (João 6.26).

II. A Alegria dos perseguidos
Jesus profere uma palavra profética sobre a perseguição e situações difíceis que os discípulos iriam passar no futuro. Seriam pobres, passariam fome, iriam chorar, seriam odiados, expulsos, injuriados e considerados indignos por causa do nome de Jesus (20-21). Em todas estas situações, os discípulos seriam bem-aventurados. O discípulo verdadeiro passa por provações e perseguições. (Jo 15.18-19). Mesmo diante das perseguições, nunca poderá nos faltar a perfeita alegria (Fl 4.4; I Pe 4.13).

III. O sofrimento dos Poderosos
O Senhor Jesus pronuncia uma palavra profética sobre os dominadores de sua época. Eles, os poderosos, já tinham a própria consolação e sentiam no coração que não precisavam de Deus (24) "Mas ai de vós, os ricos! Porque tendes a vossa consolação". A frase "Ai de vós" revela o sofrimento e julgamento que virá da parte de Deus sobre os injustos e dominadores (Ap 21.8).

Conclusão:
O Evangelho de hoje nos ajudou a enxergar a alegria dos discípulos e discípulas fiéis ao projeto do Reino de Deus. A multidão seguia Jesus pelos milagres, os discípulos seguiam pelo Reino de Deus e pelo Rei Jesus.

Voltar


 

Copyright 2006® todos os direitos reservados.