IGREJA METODISTA EM VILA ISABEL
Fundada em 15 de Junho de 1902


Boulevard Vinte e Oito de Setembro, 400
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20551–031     Tel.: 2576–7832


Igreja da Vila

Aniversariantes

Metodismo

Missão

Artigos e Publicações

Galeria de Fotos

Links


Reflexões
Rio, 3/2/2019
 

ELE VOS BATIZARÁ COM O ESPÍRITO SANTO E COM FOGO (Lc 3: 15-16, 21-22)

Pr. Edmar Leonardo da Silva


 

O texto começa apresentando um grande dilema para o povo judeu: João Batista é ou não o Messias? O próprio João se encarrega de dar a resposta: “Eu, na verdade, vos batizo com água, mas vem o que é mais poderoso do que eu, do qual não sou digno de desatar-lhe as correias das sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo”, (V. 16).

O Batismo de João tinha por finalidade conduzir o povo à purificação dos pecados e conversão dos corações a Deus. Jesus, por sua vez, saiu da Galiléia a fim de ser batizado por João Batista, no rio Jordão, apesar de não precisar submeter-se a este ritual, pois Nele não havia pecado algum. Para os outros batizandos, era sinal de arrependimento.  Já para Jesus, é plenitude de justiça de Deus. É por isso que Jesus quis batizar-se a fim de que se cumprisse toda a justiça de Deus. Jesus, que não tinha pecados, confirmou a Sua filiação divina pela unção do Espírito Santo que o confirma de público: “Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo”, (v. 22). 

O Batismo de Jesus tem para nós o significado da justiça que o Pai planejou nos conceder com o objetivo de que também nos tornássemos Seus filhos e filhas amados. Com o batismo, Sua morte na cruz e ressurreição Jesus inaugurou para nós um novo tempo de justiça e graça: somos filhos eleitos de Deus.  No batismo de Jesus encontramos a estrutura da Santíssima Trindade: A Voz do Pai, a Manifestação do Espírito Santo em forma de pomba e o título de Filho de Deus amado. 

Em nosso batismo a Voz do Pai se faz ouvir revelando o Seu grande amor por nós quando nos concede o Seu Espírito Santo e nos adota como filhos em Jesus, Seu Filho amado. Em nosso batismo, também, o Pai deu testemunho do Seu amor por nós: “Tu és o meu filho, a minha filha amada”! Logo, somos irmãos de Jesus Cristo, adotados por causa de nosso “ Sim” para Ele. 

Não podemos viver como se Deus não olhasse para nós, pois o mesmo Espírito que está em Jesus mora também em nós. Se verdadeiramente nos apossarmos dessa palavra, com certeza não teremos nenhuma dúvida de que somos filhos e filhas apreciados (as) por Deus, que nos olha com carinho e está atento às nossas necessidades. 

            João Batista foi o precursor de Jesus. Veio para preparar o povo para sua chegada. João sabia quem era e qual era o seu papel na história da salvação: “Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías”, (Jo 1: 23). Sabia também quem era Jesus: “Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” (Jo 1: 29). 

João conduz o povo ao batismo com (em) água para reconhecimento de seus pecados e do desejo de se voltar para Deus. Jesus é o que batiza com Espírito Santo e com fogo. Esse batismo difere do de João porque ele acontece dentro da pessoa. É o próprio Deus habitando com Seu Espírito no ser humano. Não é apenas um símbolo exterior como imersão ou aspersão. É algo que acontece dentro e aparece no testemunho. Passamos a ser governados por Ele. 

João fez sua parte, Jesus faz a d’Ele e somos desafiados a fazer o que Deus espera de nós. Nós fomos batizados com um propósito. 

Voltar


 

Copyright 2006® todos os direitos reservados.