IGREJA METODISTA EM VILA ISABEL
Fundada em 15 de Junho de 1902

Boulevard Vinte e Oito de Setembro, 400
Vila Isabel - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20551–031     Tel.: 2576–7832


Igreja da Vila

Aniversariantes

Metodismo

Missão

Artigos e Publicações

Galeria de Fotos

Links


Reflexões
Rio, 5/4/2020
 

A Internet é a Minha Paróquia

Pr. Alberto Saraiva Sampaio


 

Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas. Rm 10.15

Jamais imaginamos viver o que tem nos acontecido nos últimos dias, em virtude da pandemia com o novo coronavírus. O mundo inteiro está em alerta, muitas ações têm sido tomadas, a rotina de todos mudou e desde o meado de março a população do Rio de Janeiro está em isolamento, como medida para conter o avanço do Covid-19. Nosso último encontro presencial na Igreja Metodista de Vila Isabel foi o Culto de Oração, na terça-feira, 17 de março. Como toda humanidade, temos feito a nossa parte, como comunidade de fé, para determos esse mal. O fato é que estamos privados de muitas coisas e o nosso afastamento da Igreja nos faz sentir bastante. Tudo isto tem nos feito refletir sobre muitas coisas e nos adaptar aos desafios. Uma das formas para vencermos o distanciamento tem sido a utilização dos recursos da Internet, através, sobretudo das redes sociais. Como muitos dizem, “a Igreja não fecha, o que fecha é o templo, porque a Igreja somos nós”.

João Wesley também teve que se adaptar. Assim que ele, influenciado por George Whitefield, inicia a sua prática de pregação ao ar livre, nas praças, nas minas de carvão, nas fábricas e onde quer que fosse, ele, bem como os demais pregadores metodistas, foram expressamente proibidos de pregar nas igrejas anglicanas, acusados de estarem desrespeitando os cânones. Como resposta a isso, ele escreve: “Eu vejo todo mundo como minha paróquia; desse modo eu acho, que em qualquer parte dele em que eu estiver, julgo correto, próprio e meu sagrado dever proclamar, para todos os que quiserem ouvir, as alegres novas da salvação”. Wesley entendeu que as adversidades não são capazes de impedir a pregação da Palavra, adaptou-se e viu a grande oportunidade de fazer de todo lugar uma porta aberta à pregação do Evangelho. Os púlpitos se fecharam, porém, todo o mundo se abriu.

Como tenho saudade do tempo que íamos todos à Igreja, nos saudávamos afetuosamente, víamos a todos, nós pastores cumprimentávamos os irmãos na porta da Igreja! Nossa Igreja sempre foi espaço de calorosa comunhão.

Apesar dessa quarentena e das restrições, a pregação da palavra não está privada, tampouco estamos impedidos de pastorear o rebanho do Senhor, muito menos de servimos a Deus. O templo está fechado, mas, parafraseando João Wesley, “A internet é a minha paróquia”. Assim como o nosso patrono, que enxergou a oportunidade de pregar o Evangelho em todo lugar, também temos nos adaptado e intensificado nossas ações através da internet.

Aproveitamos os desafios para aumentar o alcance de nossa Igreja. Em nossos cultos online, transmitidos através do canal da Igreja Metodista de Vila Isabel no Youtube, pessoas de diversos lugares têm sido alcançadas e participam conosco da celebração a Deus. Nos cultos, além da ministração da Palavra, temos momento do louvor, com vídeos dos irmãos louvando em suas casas, bem como vídeos do Coral Henrique Soares. Além disso, temos as ministrações diárias da Palavra de Deus, o Momento de Fé, que são reflexões bíblicas e são postadas na mesma plataforma dos cultos.

Conforme diz o apóstolo Paulo a Timóteo, “mas a palavra de Deus não está presa” (2 Tm 2.9). Nunca se utilizou tanto dos recursos midiáticos para pregar o evangelho. Se a Carta aos Romanos, fazendo menção ao texto de Isaías 52.7, fosse escrita nossos dias atuais, estaria escrito “formosos são os dedos dos que anunciam o evangelho da paz”.

Apesar de ser um instrumento poderoso para pregação do Evangelho e edificação das vidas, a internet também tem sido canal para destruição, espalhando o medo e notícias falsas. Por isso, CUIDADO! Cuidado, porque uma multidão tem sido intoxicada com informações cujo produto é pessimismo, medo, insegurança, além de minar a fé e a esperança. A Bíblia, em Provérbios 4.23, afirma “acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida” (NVI).

Não se permita ser instrumento do medo e da morte, espalhando o que não edifica. Guarde o seu coração, sua mente e sentimentos, sendo seletivo no que ouve e vê. No isolamento, “fantasmas” cismam em assombrar a mente e gerar

feridas. Ainda somos convocados pelo Senhor a irmos por todo mundo para pregarmos o Evangelho, as boas novas de salvação a todos/as. No momento em que não podemos sair de nossas casas, deixemos ser usados pelo Espírito Santo para sermos disseminadores de fé, esperança, vida e amor.

Em breve tudo isso, certamente, vai passar e estaremos juntos para, mais uma vez, celebrarmos ao Senhor de nossas vidas, Jesus Cristo.

Voltar


 

Copyright 2006® todos os direitos reservados.